terça-feira, 4 de maio de 2010

Reencontro

Às vezes pensamos ter ouvido a voz de Deus e racionalizamos: coincidência, vontade, imaginação, delírio. Mas Deus pode insistir em dizer as mesmas palavras de formas diferentes só para termos a certeza que é Sua voz. Ora, mesmo sendo este ser miserável que sou, reconheço-me como ovelha dEle, e Suas ovelhas conhecem Sua voz (João 10:27). Podem quando muito fingir não ouví-la, mas a conhecem e jamais esquecem seu timbre altisonante.
Deus tem me dito nos últimos meses, de diferentes formas, que eu preciso voltar. Essa volta passa por mim mesma, por meus escritos, meus sonhos, mas principalmente, passsa por Ele. Eu não sei como fazer isso, cheguei mesmo a duvidar que pudesse haver algum tipo de retorno, já que julgo o passado com o peso de Heráclito: não se pode pisar o mesmo rio duas vezes. Mas sei que Deus pode me fazer leve o bastante para transpor verdades minhas e alheias. Posso voltar. Não ao passado, mas a uma condição que me aproxima daquilo que Ele sonhou para mim. Não importa que já tenha tentado, sem sucesso, várias vezes, e veja a cada nova tentativa mais e mais pesos se acumularem contra mim nessa jornada. Talvez isso que eu veja como pesos seja só mais matéria-prima para reflexão. Sei que Ele me faz leve o bastante para me deixar guiar...
Então eu vou.
Estou colocando no blog todos os textos devocionais que tenho arquivados aqui no computador. Foi uma promessa que fiz ao Mário, para dispor dos textos no Adveniat, e é também uma forma de eu reler toda a minha trajetória de escrita devocional, me revendo, me reecontrando. Curioso é que sempre que releio esses textos fico surpresa, nem parece que fui eu quem escreveu aquilo. Bem, é que não foi mesmo: é duro para nós compreendermos que o que há de melhor em nós não é nosso, é dom. Pois eu quero apreender bem a percepção dessa Graça, imergir nela e contemplá-la para que possa refletí-la.
Os textos poderão ser acessados no arquivo, pois vou colocar as datas orginais em que foram escritos, e também através dos marcadores (2002, 2003, etc). Colocá-los aqui também os deixará a serviço do Espírito de Deus, que poderá guiar até eles alguém que precise da mensagem - aqui no meu computador, arquivados, eles perdem o sentido para o qual foram escritos: testemunhar.
Se depois deste reecontro vou voltar a escrever? Não sei. A Graça dirá.

9 comentários:

Anônimo disse...

Amém! Que assim como eu mais pessoas possam ter o privilégio de serem guiadas a Deus através do seu dom, Lu! A Ele toda a glória! A você, parabéns por se permitir voltar a ser usada! Vou ficar do lado de cá, orando, torcendo e como sempre te seguindo e sendo levado ao reencontro do Senhor. Um feliz reencontro pra todos nós!

Eliany disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Eliany disse...

Muitos são os discipulos de DEUS.Um dia nós o reconheceremos,conforme o nosso merecimento perante ao PAI.
Gostaria de saber como sigo seu blog.Onde devo clicar aqui...rs
Eliany

Paulo Melo disse...

Este pequeno texto mexeu comigo! Tenho trilhado este caminho de volta também, sem menos saber onde eu vou chegar. Mas uma coisa é certa: o caminho do auto-(re)conhecimento passa pela intimidade com Deus.
O versículo de Mt 10, 8 me conduziu até aqui. Irmã, não te conheço, nem você a mim; mas a Palavra de Deus não volta. Toma posse deste versiculo. Use seu dom, que recebeste de graça e pela graça, sem cessar!
Que o teu louvor não pare, que seu testemunho seja constante! Suas palavras são capazes de alcançar multidões que precisam do Evangelho.

Ana Paula B.D. disse...

Suas palavras foram realmente necessárias e encorajadoras. Tenho muitos estudos guardados que o Senhor me deu e tbm tenho visto que não há sentido em guardá-los, preciso dá-los de graça aquilo que Deus tem me dado. Em janeiro deste ano 2016, o Senhor me revelou como irei compartilhar e é pela Internet, em vídeos, mas não gosto de me expor e tem sido uma luta diária que até agora não tenho conseguido vencer. Peço que orem por mim, para que eu consiga compartilhar o Bom Tesouro do Senhor que é a Palavra revelada! Graça e Paz!

Ana Paula B.D. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ana Paula B.D. disse...

Suas palavras foram realmente necessárias e encorajadoras. Tenho muitos estudos guardados que o Senhor me deu e tbm tenho visto que não há sentido em guardá-los, preciso dá-los de graça aquilo que Deus tem me dado. Em janeiro deste ano 2016, o Senhor me revelou como irei compartilhar e é pela Internet, em vídeos, mas não gosto de me expor e tem sido uma luta diária que até agora não tenho conseguido vencer. Peço que orem por mim, para que eu consiga compartilhar o Bom Tesouro do Senhor que é a Palavra revelada! Graça e Paz!

Ana Paula B.D. disse...

Suas palavras foram realmente necessárias e encorajadoras. Tenho muitos estudos guardados que o Senhor me deu e tbm tenho visto que não há sentido em guardá-los, preciso dá-los de graça aquilo que Deus tem me dado. Em janeiro deste ano 2016, o Senhor me revelou como irei compartilhar e é pela Internet, em vídeos, mas não gosto de me expor e tem sido uma luta diária que até agora não tenho conseguido vencer. Peço que orem por mim, para que eu consiga compartilhar o Bom Tesouro do Senhor que é a Palavra revelada! Graça e Paz!

António Jesus Batalha disse...

Estou alegre por encontrar blogs como o seu, ao ler algumas coisas,
reparei que tem aqui um bom blog, feito com carinho.Posso dizer que gostei do que li e desde já quero dar-lhe os parabéns, decerto que virei aqui mais vezes.
Sou António Batalha.
Que lhe deseja muitas felicidade e saúde em toda a sua casa.
PS.Se desejar visite O Peregrino E Servo, e se o desejar siga, mas só se gostar, eu vou retribuir seguindo também o seu.
Peregrino E Servo.